Balaiada

A Balaiada foi um movimento de resistência que ocorreu na Província do Maranhão, por parte dos escravos, fugitivos e prisioneiros. A Balaiada, agora em 2009, também será a semana de experiências cênicas do Balaio (que ocorrerá na ultima semana de julho), dando início a um movimento de união de grupos da zona-leste de São Paulo, interessados em marcar seu território (mesmo sendo essa marca uma linha de travessia permitida). Ela acontecerá nos dias 27, 29, 30 e 31, as 20h. Organizada a partir do paralelo com a história do grupo, em cada dia será apresentada uma experiência de acordo com uma linguagem da cena:

27/07 – Teatro – Improvisação de trecho do texto de Édipo, sobrepondo os três gêneros teatrais (épico, lírico e dramático) sob a ótica do palhaço

29/07 – Dança e Música – O improviso musical que gera movimento e o improviso de movimento que gera música. Este é o ponto de partida para a experiência cênica

30/07 – Circo – Do número tradicional à instalação e intervenção circense. O mote é o caminho percorrido pelo grupo por meio da experiência da prática circense como uma possibilidade de elevar ao extremo a relação extracotidiana da cena

31/07 – Performance – Três palhaços espalhados pelas proximidades. Daí nasce um jogo surpresa entre publico e performers

No dia 01/08, as 14h, será feito um grande  Cortejo, com a participação de vários grupos da região, como a primeira de uma série de atividades que virão a seguir com o propósito de movimentar a articulação artística e política na região – Em breve mais notícias.


Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: